Terça-Feira, 16 de Outubro de 2018

Política
Quarta-Feira, 01 de Agosto de 2018, 07h:53

OPINIÃO

O legado tucano em Mato Grosso: estelionato eleitoral, grampos e bereré

Em Mato Grosso, o PSDB colherá os frutos do que plantou.

Jô Navarro

Reprodução/Gcom

Pedro Taques e Paulo Taques

O TRE-MT lamentou a demora para julgar processo tão impactante, com graves consequências, que culminou com a cassação do mandato de José Medeiros (Pode-MT), responsável por roubar a primeira suplência de Paulo Fiuza, empresário de Sinop.

As escusas de suas excelências não reparam o erro, assim como a justiça tardia não trará de volta os três anos e meio perdidos, o prejuízo político, moral e financeiro de Paulo Fiuza, primeiro suplente de fato de Pedro Taques.

A condenação de José Medeiros é pouco, muito pouco. Segundo o relator do processo Ulisses Rabaneda, “Seria ingenuidade afirmar que isso aconteceu a revelia ao candidato ao Senado. Paulo Taques é, além de advogado pessoal, primo de Paulo Taques. Era homem de sua confiança, tanto é que foi nomeado para chefe da Casa Civil, em seu governo. Mesmo depois de a fraude vir a tona, ainda assim os laços de confiança se tornaram ainda mais sólidos. Se desconhecesse a fraude, Pedro Taques retiraria Paulo Taques da linha de pessoas de sua confiança”.

Portanto, os outros responsáveis pela fraude, os primos Paulo e Pedro Taques, também precisam responder pelo verdadeiro estelionato eleitoral que cometeram. Mentiram e enganaram os eleitores. O senhor Pedro Taques, ex-procurador da República em Mato Grosso, foi eleito senador em 2010 e governador em 2014 com o discurso de moralidade e combate à corrupção, mas as recentes revelações (escândalo dos grampos ilegais e fraude de ata) demonstram que estava secretamente escarnecendo da sociedade, chafurdando no lamaçal.

O legado tucano em Mato Grosso foi este: estelionato eleitoral, grampos e bereré. Em outubro vamos novamente às urnas. Em Mato Grosso, o PSDB colherá os frutos do que plantou.

Diante deste quadro, fica a pergunta para a ex-juíza Selma Arruda: Ainda vai subir neste palanque, doutora?

Leia também:

Os donos disso aqui são o Paulo Taques e o governador Pedro Taques", confessa cabo

Paulo Taques fraudou ata e Pedro Taques sabia, afirma relator

Gestão de Pedro Taques foi marcada por três grandes escândalos de corrupção

Comentários

Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!

LEIA MAIS SOBRE ESSE ASSUNTO