Sábado, 24 de Agosto de 2019

Mato Grosso

Sábado, 20 de Julho de 2019, 08h:28

MAPA DAS TERRAS

Jayme Campos é o maior proprietário rural do Congresso; Bezerra e Possamai estão na lista

Cícero Henrique

Reprodução

Jayme Campos

Tanto o governo federal como o Congresso Nacional pede sacrificio para os trabalhadores brasileiros, por outro lado é perdoado as dívidas do agronegócio com o governo e grandes bancos.

Diante disso o site De Olho nos Ruralistas elaborou um mapa que localiza, por município, as propriedades rurais declaradas por deputados e senadores; primeira reportagem de série sobre a bancada ruralista aponta latifúndios de congressistas nas fronteiras agrícolas.

Confira abaixo o Mapa das Terras dos Parlamentares, elaborado pelo observatório. Basta clicar sobre o nome dos parlamentares para conferir a lista de propriedades:

Na referida reportagem são citados o senador Jayme Campos (DEM),  como maior proprietário rural do Congresso. Ele tem participação em propriedades que somam 43,9 mil hectares, todas no Mato Grosso. Antigo integrante da Frente Parlamentar da Agropecuária, Campos voltou ao Senado este ano, depois de passar quatro anos sem mandato. Membro de uma família tradicional de políticos do estado, ele já foi governador, assim como o irmão Júlio Campos. Recentemente, Jayme Campos tem se posicionado a favor da taxação do agronegócio.

Uma das fazendas de Campos, a Santa Amália, já foi alvo de denúncias de trabalho análogo ao escravo. Em 2008, os administradores da propriedade assinaram um TAC (Termo de Ajustamento de Conduta) com o Ministério Público do Trabalho em que se comprometiam a cumprir trinta obrigações trabalhistas para novas contratações. Apesar das denúncias de retenção de parte dos salários e de alojamentos de lona sem água potável, não houve flagrante dos problemas apontados na propriedade .

O maior proprietário de terras entre os deputados é Carlos Bezerra (MDB-MT), com 8,9 mil hectares em seu estado. Bezerra tem uma longa trajetória política e já foi governador e senador. 

Entre os suplentes do Senado, o maior latifundiário é Beto Possamai (PSL), com área superior a 14 mil hectares. O político tem mais de R$ 44 milhões em patrimônio e é suplente da juíza aposentada Selma Arruda (PSL). Os dois foram cassados por caixa dois e abuso do poder econômico pelo TRE-MT, que determinou novas eleições. A senadora mantém o mandato enquanto recorre da decisão.

Comentários

Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!

LEIA MAIS SOBRE ESSE ASSUNTO