Quarta-Feira, 23 de Outubro de 2019

Mato Grosso
Quarta-Feira, 09 de Outubro de 2019, 07h:40

ALMT

Deputado colhe 18 assinaturas para instalar a CPI da Energisa

Jô Navarro

Reprodução

O deputado estadual Elizeu Nascimento conseguiu 18 assinaturas e CPI (Comissão Parlamentar de Inquérito) será aberta para apurar cobranças indevidas da ENERGISA nas contas de energia dos consumidores das 141 cidades do estado de Mato Grosso. O número mínimo de assinaturas para abrir uma CPI é de oito nomes. O requerimento foi apresentado na sessão ordinária de terça-feira (9).

Elizeu Nascimento, ex-vereador, faz coro aos pedidos da sociedade. Ontem na Câmara Municipal o vereador Dilemário Alencar comunicou o envio para a ALMT de um pedido para que instalem uma CPI para investigar eventuais abusos da Energisa. Há também uma petição de abaixo-assinado nas redes sociais encabeçada pelo jovem Lucas Barroso com mais de 9 mil assinaturas. Além disso, a Energisa lidera o ranking de reclamações do Procon em Mato Grosso.

Nas redes sociais o deputado Elizeu Nascimento declarou que será o presidente desta CPI e caso sejam confirmadas irregularidades a empresa estará sujeita a multas e pode até ter o contrato de concessão rescindido.

 A Energisa já é investigada em CPIs no Acre e em Rondônia.

Comentários

Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!

LEIA MAIS SOBRE ESSE ASSUNTO