Caldeirão Político

Quarta-Feira, 04 de Julho de 2018, 20h:14

Oficializado edital de licitação para revitalização do Mercado Municipal, 2ª parte da Orla e construção do Cais do porto

Redação

Tornar o Rio Cuiabá em um instrumento de contemplação local, projetando toda a cidade para a sua direção, é um dos focos do prefeito Emanuel Pinheiro, que ao lado do ministro do Turismo, Vinicius Lummertz e da presidente da Embratur, Teté Bezerra, oficializa a autorização do edital de licitação de três grandes obras para a região.

Na tarde desta quinta-feira (05), às 14h, no auditório da Secretaria Municipal de Cuiabá, o chefe do Executivo e o representante do governo federal darão início ao extenso processo de transformação da Orla do Porto, que contará com toda a revitalização do Mercado Municipal, a construção do Cais do Porto, além da segunda etapa do cartão postal - que já se tornou um dos espaços públicos mais visitados na Capital

As revitalizações trarão um novo conceito para a região, transformando o local em um grande complexo contemplativo e estruturalmente participativo, com a presença de espaços culturais para exposições, apresentações e mostras artísticas, além de uma infraestrutura que permita a prática esportiva, com a instalação de uma academia ao ar livre. Em se tratando do Mercado Municipal, a nova estrutura terá um aumento em seu espaço correspondente a quase 3 mil m², com uma alameda, que ligará a Orla do Porto ao centro. Além disso, o estabelecimento terá uma extensa praça de alimentação e uma quantidade de vagas de estacionamento significativamente maior, com seu número quase dobrando, disponibilizando espaços específicos para motocicletas, carga e descarga e até mesmo ônibus turísticos.

Os recursos referentes ao Mercado Municipal são oriundos do Ministério do Turismo, governo do Estado, emendas parlamentares da bancada federal alocados pelos senadores Wellington Fagundes e Blairo Maggi; e pelos deputados federais Carlos Bezerra e Valtenir Pereira -, além recursos próprios da Prefeitura de Cuiabá.

Em relação ao Cais do Porto e a segunda etapa da Orla, o montante provém de emenda federal, destinada pelo parlamentar Wellington Fagundes, com contrapartida do município. A execução das obras ficará sob a responsabilidade da Secretaria Municipal de Obras.


Fonte: Caldeirão News

Visite o website: caldeiraonews.com.br