Segunda-Feira, 18 de Dezembro de 2017

Cinema
Segunda-Feira, 13 de Novembro de 2017, 13h:42

CASABLANCA COMPLETA 75 ANOS

Clássico Casablanca comemora 75 anos em sessão de cinema especial

Filme será exibido nesta terça-feira, às 19h. Ingressos estão a preços acessíveis.

Redação

Divulgação

Os protagonistas Humphrey Bogart e Ingrid Bergman em cena clássica do filme

Em 2017 o filme Casablanca, de Michael Curtiz, comemora 75 anos de lançamento. Um clássico da sétima arte que continua encantando gerações. O  romance, lançado em 1942 durante a Segunda Guerra Mundial, é considerado um dos melhores filmes da história do cinema americano. Para comemorar essa data, o Cine Teatro Cuiabá apresenta uma sessão especial na terça-feira (14/11), às 19h.

O longa é um drama romântico que tem Casablanca, no Marrocos, como cenário. Durante a Segunda Guerra Mundial, muitos fugitivos tentavam escapar dos nazistas por uma rota que passava pela cidade de Casablanca. O exilado americano Rick Blaine (Humphrey Bogart) encontrou refúgio na cidade, dirigindo uma das principais casas noturnas da região.

Clandestinamente, tentando despistar o Capitão Renault (Claude Rains), ele ajuda refugiados, possibilitando que eles fujam para os Estados Unidos. Quando um casal pede sua ajuda para deixar o país, ele reencontra uma grande paixão do passado, a bela Ilsa (Ingrid Bergman). Este amor ganha novo fôlego e eles vão lutar para fugir juntos.

Baseado na peça Everybody Comes To Rick's ("Todo mundo vem ao café de Rick"), de Murray Burnett e Joan Alison, o romance ganhou várias estatuetas do Oscar, incluindo a de melhor filme, em 1943. Com o passar do tempo, a produção foi conquistando cada vez mais popularidade e sempre esteve na lista dos dez melhores filmes de todos os tempos.

Os ingressos custam R$ 4 (inteira) e R$ 2 (meia), cobrados como taxa de manutenção dos equipamentos.

O Cine Teatro Cuiabá é um equipamento cultural da Secretaria de Estado de Cultura (SEC-MT), administrado via contrato de gestão compartilhada pela Associação Cultural Cena Onze.

Comentários

Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!

LEIA MAIS SOBRE ESSE ASSUNTO