Segunda-Feira, 18 de Dezembro de 2017

Eventos e Negócios
Quinta-Feira, 19 de Outubro de 2017, 18h:35

EM CENA

Escola de Palhaços começa a funcionar dia 23

Redação

Divulgação

O ponto de cultura "Em Cena Escola de Palhaços" inicia suas atividades nesta segunda-feira (23), às 17h, no centro cultural Casa Cuiabana com a participação especial do grupo de dança cigana artística do equipamento cultural da Secretaria de Estado de Cultura (SEC-MT). O ponto de cultura está entre os selecionados em edital da SEC-MT e Ministério da Cultura (MinC). A entrada é gratuita e está aberta ao público.

As aulas gratuitas de artes circenses serão ministradas na Casa Cuiabana, com duração de sete meses, e de segunda-feira a sexta-feira. Os encontros possibilitarão o aprendizado de técnicas a serem desenvolvidas no picadeiro, palco e rua.

O idealizador do projeto, Ilson Oliveira, trabalhará pela formação de novos profissionais das artes circenses, com foco na linguagem do palhaço.

“O curso qualificará novos profissionais e aperfeiçoará os que já desenvolvem atividades nesta área. Teremos encontros semanais voltados a conteúdos variados, como acrobacias, malabares, técnica vocal, expressão corporal e sonorização cênica, dentre outros”, destaca o diretor da Cia Theatro em Cena, que idealiza o projeto em parceria com a associação cultural Em Cena Escola de Artes de Cuiabá. 

A Cia Theatro em Cena é uma companhia de circo-teatro que, desde 2001, desenvolve um trabalho de pesquisa continuada sobre o teatro popular, o palhaço e sua comicidade por meio do resgate de reprises e comédias clássicas da palhaçaria.

A Cia tem a missão de contribuir para o fortalecimento, valorização e difusão de aspectos da identidade do palhaço, presentes na produção do circo-teatro para a população com acesso aos aparelhos culturais, ampliando o acesso a bens da arte e aprofundando o debate sobre o compartilhamento dos espaços públicos abertos.

Na segunda-feira acontece o primeiro encontro com os alunos aprovados no processo seletivo para a formação de novos palhaços. Serão sete encontros com profissionais que farão parte dessa formação de novos palhaços: Ilson Oliveira, da Cia Theatro em Cena; Fernando Perri e Manon Alvez, da Cia de La Curva, Geraldo Passos, do Circo Teatro Biriba, palhaço Pepe Nunes, do Circo Dona Bilica, o canadense Olivier-Hugues Terreault, do Teatro do Sopro, todos especialistas em circo, dança e teatro que serão responsáveis por ministrar os módulos.

A escola busca consolidar uma política de difusão do ofício do palhaço na Capital e interior do estado estabelecendo uma programação regular de espetáculos, cursos e oficinas que possibilitem formação de novos profissionais e, ao mesmo tempo, a criação de um espaço efetivo de formação ao oficio do palhaço.

Comentários

Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!

LEIA MAIS SOBRE ESSE ASSUNTO