Sexta-Feira, 20 de Abril de 2018

Economia
Segunda-Feira, 02 de Abril de 2018, 14h:37

CHAMADAS GRÁTIS

Anatel penaliza Oi com obrigatoriedade chamadas gratuitas de orelhões

Em vários estados, chamadas telefônicas de orelhões da Oi se encontram gratuitas desde o ano de 2015.

Redação

Divulgação

No dia 01/04 teve início a gratuidade de chamadas originadas de orelhões da prestadora Oi em 12 estados (Alagoas, Amazonas, Amapá, Bahia, Ceará, Maranhão, Pará, Paraíba, Pernambuco, Piauí, Rio Grande do Norte e Roraima) para telefones fixo ou celular de todo o país. As chamadas não serão cobradas durante os próximos seis meses, ou seja, até 30/09. A determinação é da Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel).

Nos estados do Espírito Santo, de Santa Catarina e de Sergipe, desde 01/04 as chamadas originadas de orelhões podem ser cobradas pela prestadora, uma vez que a Oi alcançou o patamar mínimo de aparelhos em operação exigidos pela Anatel. Em vários estados, chamadas telefônicas de orelhões da Oi se encontram gratuitas desde o ano de 2015.

A medida de imposição da gratuidade considerou os percentuais de disponibilidade de orelhões da Oi avaliados pela Anatel em 28/02.  Segundo a regulamentação, as concessionárias não devem apresentar disponibilidade de orelhões abaixo de 90% nos estados e abaixo de 95% nas localidades sem telefone fixo individual.

A Agência também estabeleceu que uma nova aferição das condições de disponibilidade dos aparelhos deve ocorrer em 31/08. A nova medição indicará os estados em condição de gratuidade para o período de 01/10/2018 a 31/03/2019.

Confira abaixo os percentuais de disponibilidade de orelhões registrados pela concessionária Oi em 28/02 e em quais estados as chamadas são gratuitas:

UF

Disponibilidade (%) UF

Disponibilidade (%) Localidades Atendidas somente por TUP

Gratuidade

AC

94

100

NÃO

AL

71

98

SIM

AM

67

98

SIM

AP

74

98

SIM

BA

58

97

SIM

CE

60

74

SIM

DF

93

100

NÃO

ES

92

97

NÃO

GO

92

99

NÃO

MA

50

96

SIM

MG

91

98

NÃO

MS

95

99

NÃO

MT

91

99

NÃO

PA

42

98

SIM

PB

58

98

SIM

PE

62

98

SIM

PI

60

96

SIM

PR

93

97

NÃO

RJ

91

97

NÃO

RN

55

98

SIM

RO

92

100

NÃO

RR

88

98

SIM

RS

91

96

NÃO

SC

92

98

NÃO

SE

93

99

NÃO

TO

94

99

NÃO

 

Comentários

Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!

LEIA MAIS SOBRE ESSE ASSUNTO