Terça-Feira, 14 de Julho de 2020

Cidades
Domingo, 31 de Maio de 2020, 08h:41

2ª ETAPA

Seduc inicia entrega 300 mil kits de alimentação escolar

Rosane Brandão

Divulgação

As escolas da rede estadual de ensino já estão se organizando para entregar o segundo kit de alimentação escolar aos estudantes. Ao todo, a Secretaria de Estado de Educação (Seduc) vai distribuir, nessa segunda etapa, 300 mil kits de alimentação escolar.

Os recursos, tanto da fonte estadual como da federal, para aquisição da alimentação escolar já estão disponíveis nas contas dos Conselhos Deliberativos das Comunidades Escolares (CDCEs).

Na Escola Estadual Plena Jayme Veríssimo de Campos Junior, localizada no município de Alta Floresta (a 803 quilômetros de Cuiabá), os trabalhos estão bem adiantados e os kits já estão prontos para serem entregues aos pais dos estudantes.

Conforme o diretor da escola, Márcio Hrycyk, eles organizaram as entregas em três momentos, considerando a modalidade de ensino. Primeiro, será para os pais dos estudantes matriculados nas turmas do 9° ano do ensino fundamental. No segundo momento, os kits serão entregues para os pais dos alunos do 1° ano do ensino médio e, em seguida, para os alunos do 2º e 3º ano do ensino médio.

“Dividimos em etapas para evitar aglomeração na escola. A entrega está sendo realizada dentro das normas estabelecidas para enfrentamento da Covid-19, respeitando o distanciamento de 1,5 metros, com uso obrigatório de máscara e álcool em gel”, explica o diretor.

Na escola Jayme Veríssimo serão entregues cerca de 250 kits, considerando o número de famílias com estudantes matriculados na escola e que necessitam da alimentação escolar nesse momento de suspensão das aulas presenciais.

Os kits de alimentação escolar contêm arroz, feijão, leite, alface, mandioca, laranja, banana e frango. O valor do segundo Kit, assim como o primeiro, foi estimado em R$ 45,00 cada.

O pagamento dos kits de alimentação escolar será feito com os recursos financeiros do Programa Nacional de Alimentação Escolar (Pnae), conforme Artigo 2º da Resolução nº 02 de 2020 do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE).

Comentários

Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!

LEIA MAIS SOBRE ESSE ASSUNTO