Segunda-Feira, 18 de Novembro de 2019

Cidades
Domingo, 03 de Novembro de 2019, 08h:50

RESIDENCIAL JONAS PINHEIRO III

Reintegração de posse: Moradores prometem acampar na frente da prefeitura de Cuiabá

Jô Navarro

Arquivo pessoal

O juiz Carlos Roberto Barros Campos da Segunda Vara Especializada de Direito Agrário em Cuiabá concedeu liminar para a reintegração de posse e retirada de 450 famílias que hoje habitam o Residencial Jonas Pinheiro III em Cuiabá.

Os representantes dos moradores foram oficialmente comunicados para que deixem o Residencial pacificamente e providenciem a remoção de pertences.

Reprodução

Mario Benevides

 

O ativista Mario Benevides tem se manifestado em defesa dos moradores que ocuparam a área em abril de 2018. Quando houve a invasão, as obras do residencial estavam paradas há 6 anos. A Lumen Construtora, responsável pelas obras, decretou falência e não tem condições de retomar as obras, segundo alerta Mario Benevides. Veja AQUI.

No sábado (2) à noite a comunidade reuniu-se com Mario Benevides para discutir a ordem de reintegração de posse. Eles estão dispostos a resistir e desafiaram o prefeito Emanuel Pinheiro a ir até lá para dialogar com eles. As 450 famílias não têm para onde ir e prometem acampar na Praça Alencastro, em frente a Prefeitura de Cuiabá.

Leia também: 

Prefeito está despreparado, diz Mario Benevides após confusão durante audiência em Poconé

Comunicado

 

 

Comentários

Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!

LEIA MAIS SOBRE ESSE ASSUNTO